1. Pular para o Menu
  2. Pular para o Conteúdo
  3. Pular para o Rodapé

Conhecido como Ano Novo Judaico

Rosh Hashaná o que significa? Literalmente "Cabeça do ano", pois assim como a cabeça direciona cada membro do corpo, também a energia e as resoluções de Rosh Hashana direcionam todos os dias do ano. Inicia-se o ano ao anoitecer, o que quer dizer que a muito tempo atrás quando D-us criou Adão e deste ato nasceu o Rosh Hashaná que é uma época em que o judeu fica mais próximo de D-us. Se cremos no Mashiach – Ieshua - fomos “inscritos” no “Livro da Vida”. Segundo a tradição judaica, dez dias mais tarde, em Yom Kipur, o Livro é selado. Através do arrependimento, da oração e do cumprimento dos mandamentos da Torah, podemos merecer as bênçãos de D'us para saúde, bem-estar e prosperidade para o ano que se inicia.

Conhecido por mais 03 (três) nomes:

  • YOM HAZICARON – dia da lembrança de que seremos julgados e devemos nos arrepender;
  • YOM TERUÁ – dia do toque do shofar;
  • YOM HADIN – dia do julgamento.

Este dia sagrado se celebra no 1º dia de TISHREI, entre setembro e outubro.

No livro de Levítico está escrito que no 1º dia do 2º mês, se guarde um dia de repouso anunciado pelo toque do shofar.

Este dia conhecido como o ano novo judaico, é o primeiro dos dez dias de penitência, um período de autocrítica espiritual que termina com Yom Kippur.

O dia do julgamento, de acordo com a Tora, é somente um dia, no tempo dos profetas foi incrementado mais um dia.

Na atualidade passaram a ser 02 (dois) dias sagrados, tanto em Israel como na diáspora.

A idéia dos dias de reverência é uma oportunidade especial que o Divino Criador nos concede para nos arrependermos de nossos maus atos e nos acercarmos a ele para pedir-lhe um julgamento favorável.

Em geral é considerado o dia em que o Criador julga individualmente os homens e seus atos, o julgamento tratará de tudo que acontecerá no ano que começa.

O julgamento é uma necessidade do homem para balançar os seus atos e sua conduta.

Desta maneira, ao refletir poderá corrigir os seus atos, seu caminho de vida, modificando-os para o bem.

Neste dia desempenha em papel importante o shofar, cuja o som é considerado desde os primórdios um chamado ao arrependimento, anunciando que os YAMIM NORAIM (DIAS TEMÍVEIS – ROSH HASHANA E YOM KIPUR), é parte integrante do serviço religioso de Rosh Hashana sendo ouvido mais de 100 (cem) vezes durante a cerimônia do dia.

Rosh Hashana é também considerado como o aniversário da criação, particularmente no 6º dia quando foram criados ADÃO E EVA (Por isso se considera apropriado o homem ser julgado no dia em que foi criado).

Também é provavelmente o dia do sacrifício de Issac, quando a demonstração suprema de fé de Abraão, ante o pedido de sacrificar o seu filho, e com a sua obediência, vinculou o povo judeu ao Eterno.

Rosh Hashana é um dia temível mas também festivo devido que o povo judeu tem a convicção de que HASHEM na sua infinita misericórdia o perdoará.

Mas não numa falsa convicção de que estamos corretos, muito pelo contrário sabemos que a nossa dívida com o Eterno é grande e por tudo que por Dele recebemos e por nada ou tão pouco que retribuímos, pediremos a Ele neste momento de graça que nos conceda uma nova chance.

O Shofar

É uma MITSVA da TORAH escutar o toque do SHOFAR neste dia.

Quando for tocado precisamos ter a intenção de escutar para cumprir a Mitsva e deve inspirar em nosso coração o desejo de fazer TESHUVA.

O SHOFAR é um instrumento musical feito de chifre de carneiro (o qual precisa ter sido abatido ritualmente, de preferência deve se utilizar um chifre curvo (simbolizando a nossa submissão ao criador).

Mulheres e crianças não podem tocar o Shofar para os homens.

As mulheres podem tocar o Shofar para elas mesmas, mas é preferível que um homem toque para elas.

Aquele que toca o Shofar para as mulheres não dirá as Berashot, nem elas dizem também.

Como as TEKIOT tem o poder de transformar a justiça em misericórdia, precisamos escolher um TOKEA (nome dado ao músico que toca o Shofar), piedoso que cumpre os preceitos diligentemente. Este deve se purificar antes do dia começar.

Aquele que por algum impedimento físico ou de saúde, que não escutou o toque do Shofar na sinagoga, precisará contratar os serviços do Tokea para escutar em casa.

No momento das TEKIOT devemos por o máximo de atenção, pois só cumpriremos a Mitsva se não deixarmos um som se quer.

A mulher que não escutou o Shofar na sinagoga, precisará contratar o TOKEA e escutar em casa.

Não é permitido comer antes de escutar o Shofar, as pessoas idosas ou fracas não precisam esperar.

Não se toca o Shofar no SHABAT. Não se toca instrumentos musicais no SHABAT.

SÃO EMITIDOS 03 (TRÊS) TIPOS DE TOQUES DO SHOFAR:TEKIAH – SHEVARIN - TERUAH;

Entre os quais existem uma série de diferentes toques, somando no total mais de 100 (cem). Se o músico não completar os toques, poderá ser substituído por outro, com a devida autorização rabínica. Se o músico toca para várias sinagogas, deverá dizer em todas elas as bênçãos apropriadas, pois tem a intenção de fazer cumprir a Mitsva em todas elas.

Pesquisar por title     Exibir # 
# Título do Artigo Data Autor Acessos
1 Maçã e mel Ter, 03 de Setembro de 2013 Mário Moreno 1716
2 Rosh Hashana - Aniversário do mundo Qua, 11 de Julho de 2012 Mário Moreno 1945
3 Livro da Vida Qua, 31 de Agosto de 2011 Mário Moreno 2087
4 Contos chassídicos de Rosh Hashana Qua, 31 de Agosto de 2011 Mário Moreno 2680
5 O Ano Novo Dom, 13 de Setembro de 2009 Mário Moreno 2989
6 Por que Rosh Hashaná? Dom, 13 de Setembro de 2009 Mário Moreno 2562

Parceiros

Twitter

Siga-nos no Twitter, e esteja por dentro das últimas atualizações, eventos e novidades no Shemaysrael.com! Siga-nos.

Congregação Shema Israel

Cultue ao D-us de Israel conosco

Telefone para contato: (15) 3243-1791

Facebook

Estamos no Facebook! A página do Rabino Mário Moreno tem comentários sobre os últimos os acontecimentos no mundo e bênçãos diárias para sua vida. Página do Rabino no Facebook